"Carne pode até não fazer mal para você, mas com certeza o fez a seu verdadeiro dono." - Hime-chan

2014 Natsu - Temporada de Verão - Tokyo Ghoul (2014-07-25 14:46:41)

Yay! Nunca fiz isso, mas decidi deixar gravados os sentimentos do meu anime favorito de cada temporada está me proporcionando antes que eles se vão...

(Ps.: Dessa vez, sem BL's na lista de preferidos xD ~ Depois de No.6, não gostei de nenhum shounen ai >.<x~)

Tokyo Ghoul

Mangaká: Sui Ishida
Estúdio: Pierrot (Hikaru no Go, Level E, Naruto, ...)
Música por: Yutaka Yamada
Diretor: Shuhei Morita

Eu amei esse anime! Pra mim, Tokyo Ghoul representa, muito bem, a dificuldade da transição em qualquer momento importante da vida...

A dificuldade de, depois de ser capturado num turbilhão de acontecimentos, ao piscar os olhos e voltá-los para trás, não se reconhecer mais...

Os problemas que você passa quando tenta decidir se você se tornou um monstro ou se sempre foi assim, mas nunca soube... Será que apenas nunca havia tido oportunidade para demonstrar?

A fraqueza do ser humano o torna vulnerável ao balanço do mundo... Uma curva à direita o desequilibra à esquerda... E mesmo as tentativas de se manter em pé, no seu próprio lugar, vez ou outra, se mostram não mais que inúteis; no mar turbulento, onde as ondas caçoam de seus fracassos em evitar cair sobre o outro.

E ao deixar seu lugar, ao se desequilibrar... Como voltar? E se alguém já o tomou? E se ele sequer ainda existe?

E ainda... qual o seu lugar? Você ainda o reconhece? Quem era você antes do seu eu de hoje? O que aconteceu com seu antigo eu?

O sentimento de "Lembre-se de mim vívida como eu era... Não olhe pra mim agora" da música de abertura é angustiante... Cada sílaba esmaga o coração com uma força descomunal...

E meus sentimentos são como: E os meus sonhos? Há como juntar os pedacinhos? Eu não queria perdê-los... Minha imagem de mundo, agora despedaçada, era tão mais linda... E esses remendos, mesmo despedaçados, ainda valem a pena? Ainda são mais bonitos que a realidade?

E novamente um anime me ensina: Ser um "monstro" ou um anjo é relativo. Nas palavras da Tohka-chan, "Se você é um monstro agora, o que eu sempre fui?" ... Se o que define "certo e errado", "Bom e mau" é o tipo de sociedade que nós queremos construir... quem é "nós"? Quem pode ajudar a escolher? Como escolher? Qualquer sociedade prejudica vidas, mata pessoas, destrói sonhos... Neste caso, mesmo apenas escolher não é ser um monstro?

♥ ~ Ma Dear Diary ~ ♥

2014 Natsu - Temporada de Verão - Tokyo Ghoul ~ 25.07.2014

Férias - Julho de 2013 - Anime Friends ~ 27.07.2013

Cálculo Diferencial e Integral ~ 27.08.2012

Videozinho da Hime-chan pro fórum de Vanguard ~ 27.08.2012

Estágio II - Atividade no ginásio ~ 20.10.2012

Cálculo Numérico: Primeiras aulas ~ 03.03.2013

Meu queridinho Ren-san ^.^x~ ~ 29.08.2012

Passeio pela pasta de desenhos da Hime-chan ~~ Pro fórum de Vanguard ~ 01.09.2012

Dia Nacional do Yaoi ~ 08.01.2013

Tornando ódio sua flor ~ 02.06.2012

Maid Cafe ~~ Starring Ouji-samma & Kuroneko-chan ~ 28.01.2012

Desenhos do fim do ano ~ 17.01.2012

Cadernos de 2012 ~ 17.01.2012

Yoru no Hikari, no. 06, Lesly e Venosi L'absenti ~ 27.08.2011

xSiga-me no Facebook ♥